Review | Demo Pública de Anthem

Anthem

Neste fim de semana, a BioWare abriu a Demo de Anthem para o público em geral. Tivemos a oportunidade de testá-lo do dia 1 de fevereiro ao dia 3. Será que gostamos?

Anthem é um shooter em terceira pessoa. Seu objetivo é cumprir as missões como Freelancer, assim como o Guardião em Destiny, e conseguir os melhores equipamentos, evoluindo o seu personagem. Na Demo, começamos com a Armadura de Patrulheiro.

Patrulheiro
Patrulheiro
  • História

No início da Demo, você pode escolher o gênero do seu personagem. Eles avisam que a escolha é permanente, ou seja, ainda que você utilize outro tipo de Javelin / Armadura, ele sempre terá a mesma voz. Sim, seu personagem fala com NPCs. No entanto, é isso apenas. Não teve uma explicação do porque você está ali e ser um Freelancer, além do mínimo que foi revelado pelos trailers. Você poderia conversar com alguns NPCs específicos, mas não te davam maiores detalhes, eram conversas gerais.

  • Missões e Combate

Os jogadores poderiam testar três missões e uma invasão na Fortaleza, no estilo da missão Strike em Destiny, além do FreePlay. Quando você chega na sua armadura, abre o mapa para a escolha da Missão, Dificuldade e sua Party. Você tem a opção de fazer um matchmaking com outros jogadores ou iniciar com seus amigos. Todas as missões podem ser feitas com o matchmaking. Isso é bom para aqueles que não tem os amigos disponíveis no momento, assim como The Division e Monster Hunter World fazem.

Uma vez lançada, a missão foi de caráter geral e linear, para derrotar alguns inimigos específicos. Depois disso, ela termina e aparece uma tela de finalização para contar os seus pontos de XP adquiridos e quais medalhas você ganhou pelo seu desempenho. Nesta parte, foi muito rápida a transição, quase não deu tempo de pegar o loot final.

Os itens coletados, não podem ser usados de imediato na missão. Assim, fique atento em equipar a sua armadura com as melhores armas, pois uma vez na missão, não podem ser trocadas.

Quanto ao combate, as armas ainda deixaram a desejar. Tem pouco valor de dano se compararmos com os poderes especiais de cada armadura e a quantidade de vida dos inimigos. E por falar neles, tem uma boa variedade de inimigos, mas o seu respawn é cadenciado.  A BioWare terá que rever o balanceamento do jogo quanto a isso também. Ah, lembrando que você não pode voar de forma infinita, tem que ficar atento e esfriar o sistema de voo.

Anthem
Anthem
  • Animações e Customização

As animações das armaduras e NPCs são fluidas, em nada lembram as presentes em Mass Effect Andromeda. Neste ponto, a BioWare melhorou e muito! O ato de voar, retornar, atirar, correr e andar, todos executaram sem problemas.

Além disso, visualmente, Anthem é muito bonito. A sua ambientação é viva e lhe dá a impressão que pode explorar cada canto do cenário, inclusive verticalmente.

Quanto a customização, são vários os itens possíveis. Não temos o que reclamar. Updates de armadura, materiais, cores e afins estão presentes no jogo para deixar a sua armadura única.

  • Problemas

Durante a nossa sessão, tivemos um problema de conexão que nos levaram para a tela inicial do game e deu erro mais de 10 vezes. Quando falamos em erro, ele deu crash direto para a tela de erro do PS4. Assim, ficamos um pouco preocupados com a otimização do jogo para as plataformas. Além disso, tivemos um drop de frame rate durante alguns voos, mas logo se estabilizavam.

Anthem
Anthem
  • Conclusão

Gostamos? Sim, mas ainda temos preocupações quanto a versão final do jogo. Até que ponto Anthem conseguirá manter os seus jogadores ativos? Teremos conteúdo diferente, além do apresentado? Qual a duração de sua história? Essas são algumas perguntas que a Demo, infelizmente, não respondeu.

É um jogo recomendado para o dia do laçamento? Se você adora jogos do estilo Shooter, que lembram Destiny, The Division, Warframe, etc e tem dinheiro disponível, pode comprar. MAS, para aqueles que ainda não se convenceram e querem que o Hype diminua, esperem pelos Reviews e Gameplays para decidirem.

Por hoje é só!

Anthem lança dia 22 de fevereiro para PS4, Xbox One e PC.

Rhaysa M
Graduada em Jogos Digitais. Gamer. Advogada. Entre partidas, estudos e trabalho, busco o meu lugar na indústria de Jogos.